GRAUS DE CELULITE: VILÃ DA ESTÉTICA FEMININA

12/04/2019 18:00

Grande vilã no universo feminino, as celulites aparecem na lista das características mais indesejadas pelas mulheres.

Celulite é um nome que popularmente foi dado à lipodistrofia ginoide, que nada mais é que o depósito de gordura sob a pele. Ela é detalhada por um aspecto ondulado da epiderme, semelhante à uma casca de laranja, que se torna visível em algumas áreas do corpo.

Não é considerada uma condição médica grave, contudo é um desconforto estético resultante da aparência que confere à pele e atinge 95% das mulheres, de todas as etnias.

Áreas onde a gordura está sob influência do estrógeno (hormônio feminino), como os quadris, coxas e nádegas são mais propensas a desenvolver a disfunção estética. Entretanto, ela também pode ser observada nas mamas, parte inferior do abdome, braços e na nuca, curiosamente nas exatas regiões de maior padrão de exigência e de disposição de gordura feminina. Enquanto no sexo masculino, é inabitual sua manifestação, sendo apenas possível o aparecimento caso haja algum desequilíbrio hormonal.

As celulites sofrem variações e suas classificações são avaliadas por graus sob a qual determina as principais características clínicas existentes entre elas. Sendo assim, são considerados os números e a profundidade de depressões, os aspectos das áreas elevadas da celulite, presença de lesões elevadas, a flacidez existente e os graus da antiga classificação.

Quanto à sua evolução, ela é classificada em graus:

  • GRAU I: Não visível e não palpável. Apenas alterações histopatológicas iniciais.
  • GRAU II: Não visível e palpável pelo pinçamento digital, onde se observa o aspecto da pele em casca de laranja. Pele pálida, fria e com elasticidade diminuída.
  • GRAU III: Visível e palpável.
  • GRAU IV: nódulos maiores, visíveis, mais palpáveis, aderidos a planos profundos e muito dolorosos.

Também podem ser classificadas quanto à consistência da pele:

  • DURA: pacientes jovens, com atividade física regular, o aspecto de casca de laranja só aparece se comprimirmos com os dedos.
  • FLÁCIDA: Sedentários e mulheres que perderam muito peso, levando à flacidez.
  • EDEMATOSA: Mulheres mais jovens que tomam anticoncepcionais. O sinal da casca de laranja e o edema é precoce.
  • MISTA: Representa a evolução de uma forma antiga para outra. Pode haver celulite endurecida na face externa da coxa e já ter a forma flácida na face interna.

Causas

As causas da celulite não são plenamente conhecidas, todavia se tem pleno conhecimento de que existem inúmeros fatores contribuintes para a sua manifestação. Em evidência, o excesso de peso pode ser o mais propício para determinar o seu desenvolvimento. Entretanto, muitas mulheres que possuem o peso ideal de acordo com a sua medida, ou mesmo abaixo dessa média, estão sujeitas a apresentarem chances de obter celulites. Isso ocorre devido a uma alteração no equilíbrio entre a quantidade de gordura do corpo e a massa muscular.

anatomia celulite

Além da alteração no equilíbrio entre gordura e massa muscular, a celulite apresenta outras causas para a sua existência:

  1. Fatores genéticos;
  2. Obesidade;
  3. Distúrbios circulatórios;
  4. Fatores hormonais: Está relacionado ao estrogênio, que atua em todas as fases da formação da celulite;
  5. Sedentarismo;
  6. Gravidez;
  7. Disfunções intestinais;
  8. Alimentação: excessos de açúcar, sal e álcool;
  9. Tabagismo;
  10. Medicamentos: Anticoncepcionais, terapia de reposição hormonal, corticoides e betabloqueadore;.
  11. Desidratação;
  12. Genética.

Tratamento

O diagnóstico de celulite, parte do princípio da observação de seus sintomas. Sendo os casos iniciais mais assintomáticos, os mais adiantados apontam para uma região mais fria, endurecimento, dor e sensibilidade e pele com aspecto irregular. Médicos especializados em dermatologia e cirurgia plástica poderão diagnosticar com maior precisão, indicar e acompanhar o tratamento adequado.

Existem muitos procedimentos sugeridos que apresentam melhora tais como:

  • Drenagem linfática;
  • Massagem modeladora;
  • Creme anticelulite;
  • Endermologia;
  • Radiofrequência;
  • Mesoterapia;
  • Cirurgia a laser;
  • Carboxiterapia;
  • Ultrassom com lipolíticos;
  • Gesso liporredutor;
  • Criolipólise;
  • Subcisão;
  • Lipocativação;
  • Ondas acústicas – Acustic wave therapy (AWT);
  • Corrente russa.

celulite

Prevenção

É preciso conhecer as origens das celulites para melhor preveni-las, porém de maneira geral, é fundamental sempre é investir em hábitos saudáveis tais como beber uma grande quantidade de água diariamente para melhorar a circulação sanguínea, diminuir a ingestão de sódio, que pode causar a retenção hídrica; evitar alimentos gordurosos e muito doces; para de fumar; praticar atividade física que também ajudará na circulação sanguínea, além de reduzir gordura corporal e diminuir as medidas, o que pode atenuar o problema.

DICA EXTRA: 5 ALIMENTOS QUE AJUDAM A ELIMINAR A CELULITE

  1. Shitake
  2. Lima da Pérsia
  3. Maçã
  4. Gengibre
  5. Gelatina